Prefeitura leva conscientização do "Agosto Lilás" a mais de 2 mil pessoas em blitz na BR-163

Blitz alcançou em média 2500 pessoas com mensagem do "Agosto Lilás"

Uma blitz de panfletagem e orientação sobre o Agosto Lilás ocorreu na manhã desta quinta-feira (30), na BR-163, em frente ao posto da Polícia Rodoviária Federal. A ação realizada pela Prefeitura de Dourados, por meio da Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres, aborda a violência doméstica. Durante todo agosto, para marcar os 12 anos da Lei Maria da Penha, foram intensificadas ações visando à prevenção e combate à violência contra a mulher.

Com o apoio da PRF, os motoristas foram abordados e receberam panfletos e jornais com o tema. Participaram também da "força-tarefa" a Rede de Enfrentamento a Violência Contra a Mulher e a 13ª Promotoria de Defesa dos Direitos das Mulheres.

De acordo com Sônia Maria Rodrigues Pimentel, da Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres, as ações desta manhã alcançaram 2.500 pessoas.

Ela destacou a importância de descentralizar a campanha e disse que a iniciativa tem atingido vários públicos. "É um momento de mobilização. Temos trabalhado com a mensagem de combate à violência contra a mulher junto às escolas, universidades, espaços públicos, igrejas, levando informação do tema no contexto geral. Com isso atingimos vários públicos, que é o objetivo da gestão, e a blitz, com certeza, é um diferencial", enfatizou.

Desde o início do mês, as escolas municipais têm recebido atividades da campanha. Conforme Sônia, nas unidades que não foi possível levar a campanha por conta de dias de paralisação, a agenda ocorrerá em setembro.

O trabalho da Coordenadoria foi solicitado em Laguna Carapã e Caarapó. A administração pública dos municípios convidou a Coordenadoria para levar o "Agosto Lilás" para os municípios.

Sônia cita que em Laguna a atividade ocorreu no Centro Social Municipal. Em Caarapó, a mobilização ocorre nesta quinta-feira (30), no Fórum, com público-alvo homens em processo de ressocialização.

 

Foto – CPPM

 

Comentários