Três escolas da Rede Municipal de Dourados participam de Copa SEI de Handebol

Apesar de todas as dificuldades que ora atravessamos, juntamos forças, prefeitura e professores de projetos para fazer acontecer

As escolas municipais Etalívio Penzo do Parque das Nações II, Loide Bonfim Andrade do Jardim Água Boa e Armando Campo Belo do Jardim Santa Brígida participaram no último dia 26 da Copa SEI de Handebol nas categorias de 10 a 14 anos, masculino e feminino. O evento foi realizado no ginásio de esporte da Escola SEI.

A professora Maria Augustha Espíndola, da escola Armando Campos Belo, afirmou que o esporte é uma poderosa ferramenta para se trabalhar a autoestima dos alunos e incentivá-los a prosseguir na vida, pois é através do esporte onde se trabalha muito a questão de regras, disciplina que o aluno transfere isso para o seu dia adia, para as suas relações.

Maria Augustha disse a participação das escolas nesse tipo de evento esportivo contribuiu muito para a formação integral do aluno. A aluna atleta Raissa Pamela de 14 anos, estudante do 9º ano na escola municipal Armando Campos Belo, há quatro anos no projeto de handebol, afirma que a prática esportiva é muito importante para ela assim como para todas as atletas do grupo, pois no projeto há uma verdadeira família, onde se busca a união, cooperação e muitas amizades.

De acordo com a professora Mariza Araújo, coordenadora do Núcleo de Educação Física e Esporte da secretaria de educação, projetos esportivos, culturais e sociais são de extrema importância para a formação do aluno e contribui sobremaneira para que se tenha uma educação de qualidade.

Apesar de todas as dificuldades que ora atravessamos, juntamos forças, prefeitura e professores de projetos para fazer acontecer, para oportunizar a prática esportiva orientada e saudável aos nossos alunos. Os professores de todos os projetos e em especial os professores de Educação Física não tem medido esforços para consolidar o esporte como uma importante ferramenta na construção do conhecimento, na aprendizagem diária e na formação do aluno, finaliza a professora Mariza.

Comentários