Nova Andradina; ''Picareta'' vende veículo no PR e some com dinheiro da vítima

Após averiguação, a vítima descobriu que a venda da caminhonete havia sido realizada a uma garagem localizada cidade de Toledo (PR).

Reprodução
Nova Andradina; ''Picareta'' vende veículo no PR e some com dinheiro da vítima
Caminhonete vendida

O fato aconteceu na última sexta-feira (5), na cidade de Nova Andradina, distante 180 quilômetros de Dourados. Segundo as informações, um homem de 34 anos, procurou a Delegacia de Polícia Civil da cidade, informando ter sido vítima de estelionato.

De acordo com a nota do Jornal da Nova, a vítima relatou a polícia, que o suspeito de 27 anos, ex-funcionário de uma concessionária de veículos em Nova Andradina, compareceu na empresa como de costume, a fim de pegar a caminhonete Ford/Ranger, de cor azul, para vendê-la. O veículo pertencia ao cunhado da vítima, e o negócio seria feito na cidade de Cascavel (PR), com o consentimento do proprietário.

O veículo foi levado pelo suspeito até Cascavel (PR) e posteriormente o mesmo entrou em contato com a vítima, perguntando se poderia fechar o negócio, no valor de R$ 90 mil, e o preço foi aprovado pelo proprietário da caminhonete. A vítima informou ao ‘negociante’, que se o negócio não desse certo, era para trazer o veículo de volta, e ambas as partes entraram em acordo.

Passado dois dias, o suspeito foi até a vítima levando consigo o recibo do veículo preenchido, informando que a vítima deveria reconhecer firma, e que logo o dinheiro estaria na conta. A vítima esperou até que o dinheiro estivesse na conta para enviar o recibo preenchido, mas isso não aconteceu! Então procurou pelo suspeito, mas não conseguiu achá-lo na Cidade Sorriso.

Após averiguação, a vítima descobriu que a venda da caminhonete havia sido realizada a uma garagem localizada cidade de Toledo (PR). Em contato com a garagem, a mesma informou que o suspeito havia feito o negócio, e o preço foi pago à vista. 

Até o momento, a vítima não recebeu o valor da venda caminhonete, e se quer a devolução da mesma. 

A esposa da vítima procurou a reportagem do Jornal da Nova, e na ocasião relatou ter conhecimento de pelo menos outros dois casos semelhantes, no qual o mesmo golpe foi aplicado pelo mesmo suspeito em Nova Andradina.

Comentários