Centenas aplaudem encerramento do 2º Festeid

Semed
Centenas aplaudem encerramento do 2º Festeid
Várias apresentações culturais marcaram o encerramento do 2º Festival da Educação Infantil, sexta-feira, em Dourados Espaço Esperança ficou totalmente ocupado por pais, alunos e convidados no encerramento do Festeid

Um espetáculo! De cores, sons e movimentos. Assim foi a festa de encerramento do 2º Festeid - Festival da Educação Infantil – Leitura e releitura: uma viagem no mundo da imaginação, sexta-feira à noite. O Espaço Esperança ficou superlotado por pais, alunos e servidores da Educação que foram prestigiar as apresentações culturais dos centros de educação infantil, municipais e conveniados, e participações especiais de algumas escolas e do Exército.

As apresentações foram prestigiadas pela prefeita Délia Razuk e a secretária Denize Portolann, além de centenas de pais e convidados, que puderam conferir de perto o desempenho de seus filhos com a exposição dos trabalhos realizados durante o ano e o desempenho nas apresentações musicais. "Foi tudo muito lindo. Estão de parabéns o núcleo pedagógico e a equipe da educação infantil; enfim, todos os que contribuíram para que esse evento acontecesse e alcançasse o sucesso que alcançou. Orgulha-nos ver tanto talento entre nossos servidores e alunos", disse a prefeita Délia.

Com o tema "Leitura e releitura: Uma viagem no mundo da imaginação", o Festeid é uma realização da Semed (secretaria municipal de Educação), por meio do Núcleo de Educação Infantil. A programação foi desenvolvida em três dias com apresentação de escritores da Academia Douradense de Letras, palestras, contação de estórias e trocas de experiências.

Aberto na quarta-feira (29), no auditório da prefeitura, o 2º Festeid prosseguiu na quinta e terminou na sexta-feira, com apresentações de trabalhos da Educação Infantil, à tarde, e apresentações culturais dos centros de educação infantil, escolas e conveniadas, à noite.

A abertura das apresentações foi com a banda da 4ª Brigada. Depois houve duas participações especiais. A primeira com grupo da escola municipal Profª. Avani Carneglutti Fehlauer, que interpretou a música 'Trem bala', de Ana Vilela. Depois, o Projeto Esperança, da Igreja Presbiteriana Independente, com encenações musicais 'O pano encantado' e 'Passeio do jacaré.

Houve apresentações de números musicais, de dança teatro, pelos CEIMs 'Pedro da Silva Mota' (A lenda, Sandy & Junior), 'Maria do Rosário' (Semeador, Aline Barros), 'Profª Lucia Licht Martins' (A linda rosa juvenil), 'Maria Nazaré' (Pano encantado), 'Recanto da Criança' (Trem do Pantanal), 'Paulo Gabiatti' (Teatro, A formiga), 'Pequeno Príncipe' (Musical – Brincadeiras), 'Profª Irany Batista de Matos' (Obra de Manoel de Barros – Um Bem-te-vi), 'Sonho Encantado' (Dança e dramatização da música Emilia – Mundo da imaginação) e 'Prof. Guilherme Silveira Gomes' (Teatro, João & Maria), além do CEI Ester Gomes/ABCDE (Seminário Batista) (Doutores do ABC), Escola Municipal Etalívio Penzo (Maria e o anjo), Ceminha (Era uma vez – Sandy & Junior) e IEPDI (Instituto Educacional Igreja Presbiteriana Independente Dourados), com o musical Adorarte.

 

Comentários