Ação judicial de despejo é determinação de 2015 esclarece prefeitura

Ainda conforme o secretário, foram feitas propostas para que os moradores saíssem das casas, mas que os mesmos não aceitaram nenhum acordo.

Reprodução
Ação judicial de despejo é determinação de 2015 esclarece prefeitura

Ação de despejo que ocorreu hoje, (10), em Dourados onde quatro famílias foram retiradas de uma área pública localizada na rua Silidonio Verão, próximo ao Parque Ambiental Rego D’água, região do Jardim Água Boa é uma determinação judicial de 2015, onde a gestão anterior alocou a área para construção de um Ceim e assim atender mais 200 crianças. Sendo a assim, cabe a procuradoria apenas cumprir a decisão. 

Segundo o secretário de Habitação, Sérgio Henrique, as famílias foram avisadas com antecedência sobre a situação. Ainda conforme o secretário, foram feitas propostas para que os moradores saíssem das casas, mas que os mesmos não aceitaram nenhum acordo.

Em maio, a Justiça havia entregado notificação para as famílias deixarem a área em 30 dias e nesta manhã chegou a ordem de despejo.

Comentários